Gasolina sobe pela quinta semana seguida nos postos, diz ANP. Máxima chega a R$ 7,99

RIO  — Os preços da gasolina, do diesel e do gás de botijão voltaram a subir na última semana, de acordo com o levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP). O litro da gasolina já é vendido por até R$ 7,99 no país.

Segundo a ANP, preço do litro médio da gasolina passou de R$ 6,562 há duas semanas para R$ 6,710 na última semana. É uma alta de 2,25%.

É a quinta semana seguida de alta. No ano, o valor da gasolina acumula avanço de 49,6%. Na máxima, segundo a ANP, o litro da gasolina já é vendido a R$ 7,99 – caso do Rio Grande do Sul.

Depois do Rio Grande do Sul,  o litro da gasolina no Rio de Janeiro pode ser encontrado a R$ 7,749. Em seguida, estão Minas Gerais (R$ 7,599), Distrito Federal (R$ 7,499) e Pernambuco (R$ 7,439) com as maiores máximas.

No diesel, nas duas últimas semanas o preço do litro médio no Brasil subiu 2,45%, de R$ 5,211 para R$ 5,339. Foi a sexta semana seguida de avanço nos preços. Desde janeiro, acumula alta de 48,05%.

No gás de botijão (GLP), o preço passou de R$ 102,04 para R$102,48, um aumento de 0,43%. É uma alta acumulado desde o início do ano de 37%.

Brazil Gasoline Prices in 2021

Nesta segunda-feira, o  presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer que nem ele nem seu governo tem culpa pelo aumento dos combustíveis no país. Bolsonaro voltou também a fazer críticas à Petrobras e atacou o montante dos dividendos distribuídos para os acionistas da empresa.

O presidente afirmou que o preço alto do combustível ocorre em todo o mundo, mas que no Brasil “pode ser menor”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *